Tag Archives: Pinacoteca Universitária

“Perspectiva”, Visceral e Construtivista
   Felipe  Camelo  │     20 de abril de 2018   │     16:14  │  0

Ressaltando novamente como Alagoas é rica em arte, em pouco espaço de tempo já estamos aqui de novo pra falar sobre + 1 exposição em solo caeté. Desta vez, em 1ª mão.

Às 8 horas da noite do dia 26 de abril, na Pinacoteca Universitária, a novíssima mostra de Rosa Maria Piatti, “Perspectiva de Mim”. Os convites devem começar a ser enviados em breve, mas já nos adiantamos com informações exclusivas.

No começo da semana, a coordenadora da Pinacoteca da Ufal, Christina Cavalcanti, sua equipe de bolsistas, e 1 dos curadores da mostra, Rafael Almeida, visitaram a casa/ateliê da artista. Objetivo: ficarem por dentro do que os esperam nos próximos meses de exibição. Esta foi a 1ª vez que a equipe saiu em pesquisa de campo pra observar e aprender 1 pouco + sobre a trajetória e produção da artista em exposição. 1 iniciativa que deve virar tradição daqui pra frente se depender do ‘feedback’ dos estudantes.

Foto: Beatriz Piatti – Cortesia

“Perspectiva de Mim” ainda conta com a curadoria de Rogério Gomes, e marca o retorno de Rosa Maria Piatti aos holofotes do mundo artístico após algum tempo focando na administração de sua “Viver de Arte”, em conjunto com a irmã Ana Maia. Esta também é a 1ª individual de Rosa na Pinacoteca, e a julgar pela quantidade e qualidade das obras, este jejum lhe fez muito bem. Serão + de 20, nos + diversos suportes e técnicas, com acrílica, em tela e lona, bordado e porcelana. Sem falar da colossal instalação de madeira exposta no 2º salão.

Em cena, veremos a artista despindo todo seu lado pessoal, catártico e indômito através de 1 visceral arte abstrata, inspirada pelo construtivismo, povoada pela cor vermelha, por remendos e costuras que dispensam simetria e abraçam o instintivo. São cicatrizes sendo curadas, outras sendo abertas, e nós somos os grandes sortudos por podermos cutucá-las, absorvê-las, povoá-las com nossa própria interpretação, e + do que isso, sentirmos o que sente Rosa Maria Piatti.

Em breve todos poderão conferir + informações, mas enquanto isso, fiquem com alguns flagras da visita dos bolsistas ao santuário de Rosa. Mas cuidado! Já adianto que pode conter ‘Spoilers’!!!

Fotos: Ascom Pinacoteca Universitária – Cortesia

Tags:, ,

>Link  

“Amor Ordem e Progresso”
   Felipe  Camelo  │     7 de dezembro de 2017   │     15:23  │  0

Movimento extra na última 3ª feira, 5, quando a Pinacoteca Universitária, em parceria com a Galeria Gamma, abriu a exposição coletiva ‘Amor Ordem e Progresso’, com 14 artistas alagoanos, que através de suas obras mostram a realidade política e social brasileira. Ah! Curadoria do artista mineiro Francisco Rosa.

Fotos: Reprodução

Nas + diversas expressões de arte, pintura, fotografia, escultura e instalação, “Abordam no conceito e na poética, temáticas que questionam este momento de crise que a manifestação artística tem enfrentado”, 2º matéria da assessoria.

Na mostra, Camila Cavalcante, Eva Cavalcante, Francisco Oiticica, Hilda Moura, Lucas Lamenha, Martha Araújo, Patrícia Melro, Rafael Almeida, Reynaldo Gama Jr., Roberto Fernandes, Rogério Gomes, Rosivaldo Reis, Vera Gamma e Viviani Duarte.

O curador é artista da Luis Maluf Art Gallery, em São Paulo, conhecido Brasil afora com exposições individuais e coletivas. “Faço uma ‘paródia’ do hino nacional, no texto de curadoria, às situações dramáticas que os brasileiros enfrentam. São situações que percorrem a história e continuam nos tempos atuais” explica.

‘Amor Ordem e Progresso’ fica em cartaz até 19 de janeiro na Pinacoteca Universitária, no 1º andar do Espaço Cultural, na Praça Sinimbu, no Centro.

Ah! Na coluna da última 3ª, citei a coletiva “Amor, Ordem e Progresso”, em cartaz na Pinacoteca Ufal e dei 1 bobeira, quando publiquei que Francisco Oiticica assina a curadoria. Na verdade, a curadoria é de Francisco Rosa (artista da paulista Luis Maluf Art Gallery) e não é o Oiticica, apesar deste ser tão qualificado quanto. O que me confundiu foi que o Oiticica também tem “Rosa” no nome. Assim, me desculpo com os leitores e com todos os envolvidos.

Tags:, ,

>Link  

200 anos abrindo ‘Horizontes’
   Felipe  Camelo  │     17 de agosto de 2017   │     13:50  │  0

Não sou de ficar me publicando, mas é motivo pra ficar feliz quando meu trabalho é reconhecido, por isso, excepcionalmente hoje, vou ‘legislar em causa própria’. Já tive a oportunidade de expor individualmente na Pinacoteca Universitária, e é 1 honra ter no currículo 1 mostra individual lá, por sua importância acadêmica e por se tratar de instituição federal.

+ 1 X, participo de 1 coletiva, que reúne alagoanos pra lá de talentosos e inspirados, com escultura, pintura, fotografia, instalação…

Aberta na última 3ª feira, 15, ‘Horizontes’ celebra os 200 anos de Emancipação Política de Alagoas, com parceria com o Governo do Estado

Foto: Reprodução

A mostra apresenta obras da arte contemporânea, “Ocupando 2 dos 3 salões do museu com + de 40 obras inéditas que representem o estado, cada artista com sua própria técnica e poética”, entre eles Carlos Santos, Ed Garcia, Rick Marco, Pão, Joaquim Prado, João Dionísio, Tony Admond, Nícolas Elifas, Gilbef.

Em cartaz até 7 de outubro, de 2ª a 6ª, das 8 e ½ da manhã às 6 da noite, na Pinacoteca Universitária, na Praça Sinimbu.

 

Tags:,

>Link  

“Marta Arruda – 30 anos de arte”
   Felipe  Camelo  │     26 de julho de 2016   │     11:00  │  1

Na última 5ª feira, depois do lançamento de “Um olhar sobre a beleza”, de Denise Luna Barcelos, na Galeria Gamma, tive o prazer de ir à abertura da exposição “Marta Arruda – 30 anos de arte”, na Pinacoteca da Ufal. Marta é, simplesmente, 1 das maiores artistas que conheço. Sua história de vida é incrível (como já contei anteriormente, http://goo.gl/m32ZB3).

A artista apresenta 1 linha do tempo e 1 mini documentário com sua trajetória pessoal e múltipla. Como proposta educativa,  também realizará oficina de modelagem durante o período da mostra.

A exposição fica em cartaz das 8 e ½ da manhã às 6 da noite, até 9 de setembro. Claro que vale presença, e aplausos.

Confira 1 curta-metragem do que rolou

9W8A5453 9W8A5096 9W8A5102  9W8A5105 9W8A5116 9W8A5117 9W8A5120 9W8A5127 9W8A5129 9W8A5131 9W8A5134 9W8A5140 9W8A5145 9W8A5146 9W8A5149 9W8A5151 9W8A5155 9W8A5162 9W8A5164 9W8A5168 9W8A5173 9W8A5176 9W8A5185 9W8A5187 9W8A5195  9W8A5203 9W8A5205 9W8A5226 9W8A5230 9W8A5232 9W8A5234 9W8A5237 9W8A5242 9W8A5246 9W8A5252 9W8A5255 9W8A5260 9W8A5262 9W8A5265 9W8A5271 9W8A5283 9W8A5293 9W8A5300  9W8A5304  9W8A5308 9W8A5310 9W8A5314 9W8A5332 9W8A5337 9W8A5347 9W8A5349 9W8A5359 9W8A5367 9W8A5369 9W8A5373 9W8A5380 9W8A5395 9W8A5408 9W8A5416 9W8A5418 9W8A5423 9W8A5426 9W8A5427 9W8A5432  9W8A5437 9W8A5438 9W8A5442 9W8A5443 9W8A5449 9W8A5451

 

Tags:, ,

>Link  

Soldadora e Artista, 30 anos
   Felipe  Camelo  │     16 de julho de 2016   │     10:00  │  0

Sua carreira teve início como soldadora, sendo 1 das 1ªs mulheres a trabalharem nesse ambiente, dominado, até então, exclusivamente por homens. Via nos restos de chapas e tubos, a oportunidade de transformar ferro em arte.

Arquivo da artista

Foto: Arquivo de Marta Arruda

Esta é Marta Arruda, que completa 30 anos do seu incrível trabalho. Ao longo da carreira, produziu diversas exposições em Alagoas e no Brasil, individuais e coletivas, como a 3ª Bienal Nacional de Santos (1991) e Sesc (2003). Já são muitos títulos e honrarias no currículo, como o Prêmio Banco Mundial de Cidadania (2005), consolidando sua atuação e produção como artista plástica.

(mais…)

Tags:, , , ,

>Link