Monthly Archives: julho 2017

“História entre Mares e Fé”
   Felipe  Camelo  │     31 de julho de 2017   │     13:00  │  0

Fotógrafo e filmmaker, Thiago Laion sempre está em busca de novas técnicas e novas culturas pra inspirar seu trabalho. A + recente, foi a viagem que fez pela África e Ásia, com sua bem-amada Madu, que rendeu a exposição “As Expressivas”, que esteve em cartaz no Museu de Imagem e do Som de Alagoas, (+ ? https://goo.gl/qj4DEK).

Foto: FC/Acervo

Nada + natural que voltar a focar sua terra natal.

Às 6 da tarde, da próxima 5ª feira, 3, no Misa, em Jaraguá, abrem “Bravos Nautas: Uma história entre mares e fé”, com inspiração nos jangadeiros alagoanos, do seu cotidiano e sua importância para o patrimônio cultural do estado, e, claro, celebrando os 200 anos de Alagoas.

Fotos: Thiago Laion/Reprodução

2º ele, “Hoje, com minha base estabelecida em Alagoas, busco desenvolver um trabalho autoral que traduza nossa cultura para eternizar esse traço alagoano e também a fusão com as culturas do mundo”.

Como referência, Thiago trouxe os ‘Bravos Nautas’, que saíram numa jornada de Maceió ao Rio de Janeiro pra participar das comemorações do 1º centenário de Independência do Brasil e ficaram conhecidos como os ‘Jangadeiros Alagoanos’.

Nas fotos, a realidade, cotidiano, técnicas de trabalho, ambiente, referências familiares, tradições, espiritualidade… Vale conferir!!!

Quer acompanhar as fotos da viagem pela África e Ásia? @projetodeboa

Tags:, ,

>Link  

Da Gazeta, aqui, na GazetaWeb
   Felipe  Camelo  │     29 de julho de 2017   │     10:00  │  0

Atendendo a inúmeros pedidos, em todos os fins de semana, resumão, repercutindo as fotos e legendas da coluna, publicadas durante a semana na Gazeta de Alagoas.

Alagoano radicado em Brasília, João Paulo Dantas fotografando incríveis mulheres mundo afora. Como a alagoana Sofia Accioly. Matéria sobre o projeto, no felipecamelo.blogsdagazetaweb.com. Fotos: Thaiza Pacheco/Reprodução e João Dantas/Reprodução

Como amiga da vida toda, Nilda Rosa Leão Maia de Arroxelas Nobre marcou presença no ateliê de Delson Uchôa, enriquecendo o coro de parabéns de Mirna Porto Maia. Como sempre, incrivelmente impecável, a bem-amada de Sandoval. Fotos: FC

2 partidas de alagoanos de bem na última semana. Dona Maria Hely Gouvêa de Bragança, cuja Missa do 7° Dia é às 7 da noite de amanhã, na Capela do Colégio Sacramento. E a de Waldemar Bernardes de Mello, cuja Missa do 7° Dia é também às 7 da noite de amanhã, na Igreja de São Pedro. Que sigam em Paz. Foto: FC

Amanhã, 27, às 7 da noite, no auditório do Crea, bate-papo com o jornalista, roteirista e escritor mineiro Gustavo Nolasco. Entrada? 2kg de alimentos não perecíveis pr’o projeto “Sertão Vivo”. +, www.crea-al.org.br/. Foto: Acervo/Pessoal/Reprodução

Alagoana Cláudia Loureiro festejando a recente nomeação de Ítalo Rachid como 1° secretário da Sociedade Brasileira de Clínica Médica – Regional Ceará. No foco, a Ciência da Longevidade Humana em Alagoas. Foto: Reprodução

Do Piauí, Whindersson Nunes é 1 dos brasileiros + influentes no mundo, com + de 21 milhões de inscritos no seu canal no YouTube, e + de 1,2 bilhão de visualizações. “Proparoxítona” será neste próximo sábado, no Ginásio Presidente Fernando Collor. +, no felipecamelo.blogsdagazetaweb.com . Fotos: Reprodução

Totalmente beneméritos, Dany & Cau Uchôa atenderam a convite de Marcinha Lavini & Rodrigo Montenegro pra celebrar o recente Dia do Rock e doar leite ao Centro de Recuperação e Educação Nutricional – CREN de Maceió. Foto: FC

A Orquestra e o Coro da Universidade Federal de Alagoas vão dividir o palco do Teatro Deodoro às 8 da noite de hoje no projeto Quinta Sinfônica, com regências de Débora Borges e Gustavo Campos. Imperdível e gratuito. Foto: Reprodução

Nesta Quinta no Arena, Andrea Laís e Júnior Almeida apresentam “Outras Canções de Amor e Ódio”, às 7 e 1/2 da noite de hoje, provocando mix de emoções e sensações, íntimas e musicais. Claro que vale aplausos. Foto: Reprodução

Minha amiga desde o “maternal”, Valéria Cox passou o dia, ontem, com motivos de sobra pra pôr o sorrisão na vitrine. Celebrou a vida e seu 1º dia como avó com a pequena e foférrima Maria, que, pelo DNA, vai crescer como linda mulher. Foto: FC

Teve alagoana envolvida no sucesso do desfile “Cor Brasil”, de Silvia Ulson, na Swim Miami, em South Beach, Ana Brígida Farias, na direção executiva. E quem brilhou na passarela representando a beleza da mulher brasileira foi a loura de “swing sangue bom”, top Renata Kuerten. Na passarela, o filé caeté dando show. Fotos: Wilson Araújo/Cortesia

E a pequena Lara Nobre Véspoli roubando a cena na família e fazendo todos babarem, derretidos com sua “fofurice”, como o avô + coruja do planeta, Sandoval de Arroxelas Nobre. Viva a genética. Foto: Acervo Pessoal/Reprodução

Gerando o 2° filho há 5 meses, Débora Wagner sendo ainda + dengada pela família, principalmente pela “mãe-coruja-gata”, Viviane Gonçalves. Confesso que adoro quando vejo gente de bem e do bem procriando. A vida agradece. Foto: FC

Paizão Diego Damasceno & Michele Luz aguardando Valentina pro próximo dia 25, pra ansiedade da tia Clara, da avó Lu e do tio Fernandinho, todos Luz. Com certeza, este foi o + feliz Dia dos Avós na família. Viva a genética. Foto: Gal Brandão/Cortesia

É como sempre digo, sem saúde e amigos, incluindo família, claro, impossível viver e ser feliz. Concordando comigo, Cecília, Larissa & Tereza Carnaúba, Enaura Quixabeira, Mariza Gatto, Selma Britto, Edilma Bonfim, Solange Chalita e Nelma Malta, na última 4ª, em + 1 almoço com sotaque francês. Foto: Patrick de Neufville Penicaut/Reprodução

Na última 5ª, Roberta & Rosenita Fernandes lançaram McDia Feliz 2017, que arrecada fundos pra ajudar a instituição presidida pela mãe, enquanto a filha, coordena o Programa Diagnóstico Precoce da Apala. Foto: Renata Pais/Cortesia

Cris Braun, literalmente solta a voz na estrada, e lança, com o tecladista, produtor e arranjador Dinho Zampier, ‘Filme’, “trilha sonora imaginária para 1 filme que não existe”. +? No www.crisbraun.com.br/ Foto: Acervo Pessoal/Reprodução

Movimento extra neste sabadão na Comendador Leão, quando Gustavo ‘DJ Guga’ Ferro e George Peixoto inauguram nova casa noturna, “democrática por natureza”. Agradeço convite pra coquetel de apresentação. Arco-Íris volta a aparecer e brilhar em Jaraguá. Foto: Acervo Pessoal/Reprodução

1 das pessoas + incríveis que tenho o privilégio de conhecer e conviver, Wandinha Coutinho sempre rouba a cena, onde chega. Esposa, mãe, avó… dedicadérrima, é verdadeira formadora de opinião. Sou fã da bem amada de Dony. Foto: FC

Tags:

>Link  

‘Alagoanidade’ na Moda, Mundo Afora
   Felipe  Camelo  │     28 de julho de 2017   │     16:15  │  0

Teve alagoana envolvida no sucesso do desfile “Cor Brasil”, de Silvia Ulson, na Swim Miami, em South Beach, Ana Brígida Farias, na direção executiva.

E quem brilhou na passarela representando a beleza da mulher brasileira foi a loura de “swing sangue bom”, top Renata Kuerten, com filé caeté dando show. Fotos: Wilson Araújo/Reprodução

Swim Miami é 1 das maiores vitrines do segmento no mundo, e a paulistana Silvia Ulson representou a moda praia brasileira pela 2ª X.  A estilista vem marcando presença em badaladas semanas de moda, como New York Fashion Week, Paris Haute Couture.

Nesta edição, coleção totalmente inspirada nas belezas naturais do país e da mulher brasileira, com cores, recortes, curvas… 2º Silvia Ulson, o “Objetivo é retratar esse país alegre, colorido e criativo”.

“As cores passeiam por tons de azul índigo, representando o mar brasileiro, em uma fusão entre as cores vivas da flora e da fauna tupiniquins com destaque para o pink, laranja, verde e dourado, em alusão aos nossos tesouros naturais”, 2º assessoria.

O grande destaque que, literalmente, roubou a cena nesta “Cor Brasil” foi o filé alagoano, colorido, valorizando os trabalhos artesanais, que passam de geração em geração em terras caetés. Além de mix com referências tropicais através de peças com volumes, fendas, as incríveis e únicas modelagens de biquínis, maiôs e ‘bodys’ brasileiros, aplicações de cristais e metais, com releitura da moda praia dos anos 70, numa merecida homenagem a inesquecível e única Carmem Miranda.

Que + brasileiros levem mundo afora tudo o que temos de melhor, da cultura à moda!!!

 

 

Tags:, ,

>Link  

Das ruas do Brasil, Sucesso Mundial
   Felipe  Camelo  │     27 de julho de 2017   │     11:00  │  0

Há muito pouco tempo ‘falamos’ sobre a absurda desigualdade social no Brasil.

Hoje, trazemos + 1 exemplo disto, como também, de inspiração e perseverança. Christiana Mara Coelho morou numa caverna (isso mesmo, numa caverna) em Minas Gerais, até seus 5 anos, junto com mãe e irmão + novo. Perambularam em várias favelas de São Paulo, passaram fome, sofreram abusos físicos e psicológicos, até que a mãe os deixou num orfanato, desejando vida melhor pr’os filhos.

Fotos: Reprodução

E foi lá que sofreu 1 das mudanças + radicais de sua vida, foram adotados por 1 família sueca. Indo morar num 1 país que eles nunca tinha ouvido falar, muito menos o idioma. Christiana Mara Coelho passou a assinar Christina Rickardsson e atualmente roda o mundo dividindo informações, experiências e conhecimentos através do TEDx, conferência criada pra disseminar ideias, entre as palestras estão grandes nomes, como Bill Gates e vários ganhadores do Prêmio Nobel.

Pra falar sobre sua vida, lançou “Nunca Deixe de Acreditar”, depoimento emocionante sobre os altos e baixos, amor, tristeza, amizade e perdas, contando como uniu 2 mundos completamente diferentes e lutou pra chegar onde está. Fez tanto sucesso, que esgotou a edição na 1ª semana de vendas na Suécia.

No livro, conta que era constantemente lembrada que o que fez no Brasil era crime nesse novo país, por isso, enterrou o passado, mas agora luta pra que sua história seja ouvida e que com ela consiga quebrar barreiras e ajudar as crianças em situação de rua de todo o mundo. Aqui, no Brasil, será lançado no próximo dia 14.

Torcendo para que + crianças e adolescentes, ainda + aqueles que enfrentam dificuldades, tenham as mesmas oportunidades de crescimento sem que tenham que sair do país pra conseguir. Esperando o dia que teremos 1 Brasil + justo!!!

 

 

 

Tags:,

>Link  

Emoção à Flor da Pele
   Felipe  Camelo  │     26 de julho de 2017   │     13:24  │  0

Paixões, decepções, amores… recheiam ‘Outras Canções de Amor e Ódio’, que apresentam, no Teatro de Arena Sérgio Cardoso, às 7 e 1/2 da noite de amanhã, dia 27, no projeto Quinta no Arena. Os ingressos? Na bilheteria do Teatro Deodoro, a partir das 2 da tarde. 

Fotos: Assessoria/Reprodução

Com texto completo e bem escrito, reproduzimos aqui, na íntegra, a matéria da jornalista Hannah Copertino.

“Músicas que falam de paixão, decepção e amores que deram certo. O repertório do show Outras Canções de Amor e Ódio com Júnior Almeida e Andrea Laís acompanhados dos músicos Toni Augusto (violão) e Bruno Palagani (cavaquinho e bandolim) vai provocar um misto de sensações e emoções ao público.

O show é uma continuidade do projeto dos músicos de tocarem composições que estão marcadas na nossa memória e que provocam sentimentos bons e ruins. Em 2015, o grupo apresentou o show ‘Canções de Amor e Ódio’ e foi um sucesso. Como muitas músicas ficaram de fora por questão de tempo, veio a ideia de montar outro, que foi apresentado este ano no Teatro de Arena em uma noite de tempestade em Maceió, o que impossibilitou a ida de muita gente, mesmo assim o público compareceu e deixou os músicos felizes. Com a abertura do edital do Quinta no Arena, o projeto foi inscrito e selecionado. É mais uma oportunidade para quem ainda não viu.

O repertório conta com composições de Júnior Almeida e de clássicos da MPB como Chico Buarque. ‘São músicas que estão no nosso inconsciente, marcadas, e que nos deixam à flor da pele, tanto para amar quanto para odiar. A música brasileira tem disso. Eu conversei com a Andrea sobre essas músicas que ouvia na rádio, ela lembrou que o pai dela cantava e nós dois nos identificamos. A Andrea é uma jovem de alma antiga, uma cantora muito madura, que vem crescendo rápido e o que mais me admira nela é a naturalidade e a gente sente a verdade no trabalho. Estou muito feliz com esse projeto’, revelou Júnior Almeida.

‘É um repertório bem misturado, mas que trata do mesmo tema, são composições fortes e passionais. Como os limites da música são tênues, as canções provocam muito amor ou muito ódio. Os clássicos da MPB têm essa característica. Quando o Júnior me convidou, fiquei apaixonada pela ideia. Muita gente se questiona: mas ela é tão nova e nem viveu essas emoções todas. Só que a música tem esse poder de fazer a gente sentir e conseguir passar pro público. Nós nos identificamos muito com esse show e temos prazer de participar de todo o processo’, complementou Andrea Laís.”

Tags:, , ,

>Link