Amor Próprio e ao Próximo
   Felipe  Camelo  │     25 de fevereiro de 2017   │     10:10  │  0

Como no carnaval muita gente abusa de bebidas alcoólicas, acabam fazendo ‘o que não deviam’. Assim, é assustador o n° de pessoas contaminadas por Doenças Sexualmente Transmissíveis, como Aids, sífilis, hepatite B e C e o HPV. São doenças graves, adquiridas em relações sem preservativo, e que podem ser evitadas.

aids-campanha-61

Fotos: Reprodução

“O vírus HIV, causador da Aids; Sífilis, Hepatite B e C; e o HPV são as doenças mais graves que podem ser adquiridas em relações sexuais sem preservativo e podem ser evitadas com este cuidado”, alerta o médico Rafael Buta.

2º ele, depois do período de folia, são recorrentes em seu consultório, casos de gonorréia e a clamídia. E +, o HPV, a Herpes e a sífilis são consideradas comuns após o paciente ter relação sexual sem o uso de preservativo. A proteção com a camisinha é bem eficaz pra maioria das doenças.

chamada-partiu-teste

As consequências das DSTs podem variar de acordo com a gravidade de cada doença.

Para curtir a folia com saúde, o diagnóstico e conhecimento sobre qualquer doença são fundamentais.

“Um dos principais problemas não apenas no carnaval é não identificar e não tratar corretamente estas doenças, e consequentemente, o paciente continuar transmitindo essas doenças para outros parceiros”, continua ele.

Assim, se divirtam, curtam bastante, mas com segurança e proteção!!!

Tags:

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *