Monthly Archives: outubro 2016

Campanha acaba, mas a Luta, não
   Felipe  Camelo  │     31 de outubro de 2016   │     12:25  │  0

E neste último dia do mês, encerramos Outubro Rosa e + 1 campanha contra o câncer de mama. Os n°s ainda são assustadores, só no Brasil são 2 milhões de casos por ano. A campanha acaba, mas a luta, não; a vigilância segue atenta. A campanha é de extrema importância e vem ganhando força, levando a conscientização sobre a prevenção.

Na última 5ª, Fabrícia Feitosa coordenou + 1 Leilão Maceió Rosa. Claro que todas que prestigiaram + 1 Leilão Maceió Rosa, integrantes da campanha Outubro Rosa, fazem a diferença nesta importante luta da Rede Feminina de Combate ao Câncer, do Grupo Renascer, e de todos nós, obviamente.

Confira tudo que rolou na noite da última 5ª no showroom de Fabrícia.

9W8A4655 9W8A4659 9W8A4665 9W8A4674 9W8A4688 9W8A4693 9W8A4698 9W8A4704 9W8A4712 9W8A4715 9W8A4720 9W8A4722 9W8A4732 9W8A4740 9W8A4750 9W8A4751 9W8A4757 9W8A4764 9W8A4767 9W8A4776 9W8A4783 9W8A4786 9W8A4792 9W8A4793 9W8A4796 9W8A4799 9W8A4801 9W8A4803 9W8A4806 9W8A4809 9W8A4811 9W8A4814 9W8A4817 9W8A4820 9W8A4829 9W8A4838 9W8A4843 9W8A4855 9W8A4860 9W8A4864 9W8A4868 9W8A4874 9W8A4897 9W8A4903 9W8A4908 9W8A4911 9W8A4918 9W8A4920 9W8A4922 9W8A4928

 

 

Tags:,

>Link  

Moda, + que roupa, Atitude!!!
   Felipe  Camelo  │     29 de outubro de 2016   │     10:00  │  0

Ontem, 28, encerrada a 42ª São Paulo Fashion Week, e, claro, não poderia ser menos badalada. O foco deste ano, ‘SPFWTrans42′, traz novos conceitos de ‘transformação, transição e transgressão’.

spfw-trans-42-lineup-calendario

Fotos: Reprodução

“O SPFW chama a atenção + 1 X para o cenário de mudanças próprio de 1 início de século. São novos desafios, novas maneiras de fazer as coisas, novas oportunidades. O prefixo ‘trans’ traduz a ideia de ir além. Serve para nos provocar”, 2º release.

1477666798880531

E foi isso o que realmente aconteceu nos desfiles da LAB (marca de roupa dos cantores Emicida e Evandro Fióti) e do estilista Ronaldo Fraga. A moda é, sem dúvida, 1 das maiores influenciadoras da estética, do pensamento, e, acredito, que a partir dela, devemos começar a quebrar padrões. E, como já ‘falei’ aqui no blog, representatividade importa sim!!!

1477666932130758

O desfile de estreia da LAB trouxe para a passarela, festival de atitude e diversidade.

Os modelos? Negros, plus sizes, com vitiligo…

Roupa de mulher e roupa de homem? Esqueça! As peças eram todas sem gênero. Bela, recatada e do lar? Esqueça novamente!

As fendas eram enormes e tudo curtinho. Teve Seu Jorge de saia? Sim, inclusive, enorme e plissada. A coleção “Yasuke” tem grandes referências as culturas asiáticas e africanas.

1477667648456038

E não podia deixar de ‘falar’ sobre o desfile do incrível Ronaldo Fraga, que marcou o 4º dia. Na passarela? 28 modelos transsexuais que brilharam. As modelos foram selecionadas por meio das redes sociais pelo produtor Fernando Valiengo, que enviou o convite a todas. A ideia surgiu antes mesmo do anúncio do tema da SPFW, ‘Trans’. 2º Fraga, “O desfile é 1 ato de coragem e resistência”.

1477667786699292

A coleção “El Día que Me Quieras: Uma Música, um Vestido, Muitas Estórias”, mostrou 35 versões diferentes de 1 mesmo vestido, que contasse a história de cada modelo. Entre elas havia cabeleireiras, bancárias e garotas de programa.

O estilista trouxe para debate as questões de gênero e o fato de que o Brasil é o que, infelizmente, ganha destaque mundial, por ser o país onde + se mata travestis e transexuais.

20161026191208192803i

Iniciativa incrível! Claro que os desfiles foram ovacionados e levaram os convidados a loucura. Que essa atitude e energia tomem conta da indústria da moda! Inclusive!!!

Tags:, , , , , ,

>Link  

Centenário, Recuperado
   Felipe  Camelo  │     28 de outubro de 2016   │     11:00  │  0

1 dos maiores patrimônios histórico-culturais do Brasil se encontra em terras caetés, e, infelizmente, não é reconhecido como deveria. Penedo, a 160 km de Maceió, leva em suas ruas grandes histórias, datadas da época das capitanias hereditárias. Em cada ponto da cidade, pode ser encontradas construções que remetam a 1 série de curiosidades.

theatro sete de setembro foto jonathan lins g1

Fotos: Reprodução

Entre elas, o Theatro Sete de Setembro, o 1º de Alagoas, inaugurado em 1884. O prédio, com 3 andares, cerca de 300 lugares e 13 banheiros em pontos estratégicos, leva a assinatura do arquiteto italiano Luigi Lucarini, com bases da arte neoclássica, em 1 terreno doado pelos franciscanos. Ele, que projetou em Maceió o hoje Museu Palácio Floriano, também o Teatro Deodoro, e o Tribunal de Justiça.

Na Penedo do século XIX, o Sete de Setembro tornou-se ponto de encontro de arte e entretenimento para os moradores.

jl-3

Logo na fachada, as Deusas da Música, Arte, Poesia e Dança, respectivamente Euterpe, Calíope, Melpômene e Terpsícore. As esculturas chamam atenção de quem chega ou passa por lá.

theatro sete de setembro foto secom penedo

A 1ª casa de espetáculos de Alagoas, com 132 anos, passa agora por 1 restauração completa, incluindo pintura, novos condicionadores de ar, estrutura de som, projeto luminotécnico, acessibilidade com elevador para portadores de necessidades especiais e idosos. Além de recuperação de pisos, esquadrias e novos banheiros. O prazo de entrega ? Fevereiro de 2017.

teatro-sete-de-setembro

Tags:,

>Link  

Senhora das Artes Populares
   Felipe  Camelo  │     27 de outubro de 2016   │     11:00  │  0

Hoje é aniversário de Tânia de Maya Pedrosa e não podíamos deixar de homenagear essa grande artista alagoana.

tania de maya pedrosa

Sua vida cultural sempre foi intensa. Formada em Direto, mas com diversos cursos na área da linguística e, claro, nas artes. Dedicada à pesquisa, é 1 das maiores colecionadoras de arte, possuindo 1 dos acervos particulares + representativos da arte popular do norte-nordeste.

Premiada pintora caeté, com exposições mundo afora, Tânia de Maya Pedrosa é sem dúvida a maior incentivadora da produção cultural popular de Alagoas. Editou 2 livros, Arte Alagoas I e II, onde ‘fala’ sobre nossa rica cultura, e também já escreve artigos.

tania com as imagens foto

Foto: Lula Nogueira/ Reprodução

Tânia é considerada 1 pintora ‘naïf’ (‘ingênuo’ em francês), que significa 1 pintura colorida e cheio de referências da infância e da cultura popular. Suas obras são conhecidas internacionalmente, já expôs, além do Brasil, na Espanha, Suíça, e teve 6 quadros em cartaz no Museu de Belas Artes da França.

tania-imagem-4

Em 2014, recebeu “Menção Especial” na 12ª edição da importante bienal “Naïfs do Brasil”, e essa não foi a única. Em 1998, recebeu o prêmio de melhor obra com ‘Casa do Imaginário’, sendo capa do catálogo oficial e recebendo 2 placas de mesura.

tania imagem 3 (800x508)

Claro que nem todos tem a chance de conhecer o acervo pessoal de Tânia, que lota todos os cômodos de seu apartamento de 2 andares, mas tem a oportunidade de visitar parte de sua enorme e rica coleção no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, no comecinho da Sá e Albuquerque, bem perto da entrada do Porto, em Jaraguá. A exposição “A Invenção da Terra” é fixa e está aberta desde 2013.

Suas obras atravessam o mundo, mostrando a cultura popular brasileira, e que continuem assim!!!

Para saber + sobre esta alagoana arretada, https://www.facebook.com/tania.demayapedrosa?fref=ts

Tags:, ,

>Link  

Fênix do Rock’n’Roll
   Felipe  Camelo  │     26 de outubro de 2016   │     13:47  │  0

O interesse pela música foi algo natural, sem nenhuma pretensão e se tornou 1 das partes indispensáveis de Sebage. Na adolescência, foram nomes como David Bowie e Rita Lee que lhe influenciaram a seguir o caminho do Rock’n’Roll.

jog21-1

Fotos: João Dionísio/ Reprodução

Seu envolvimento na área artístico-cultural se desenvolveu na época que entrou na universidade ao se aproximar de 1 grupo de teatro, que buscava retomar as atividades do Teatro Universitário de Alagoas, desativado durante a ditadura. Foram oportunidades que apareceram e não foram desperdiçadas.

(mais…)

Tags:, , , ,

>Link