Esporte, Mente & Acessibilidade
   Aldia  Sampaio  │     5 de agosto de 2016   │     11:00  │  0

1 cena despertou a curiosidade dos participantes do Campeonato Brasileiro de Poker, que aconteceu em São Paulo, 1 jovem de 19 anos desenvolveu 1 projeto que ajuda deficientes físicos e pessoas sem as mãos ou parte do membro a praticarem jogos de tabuleiro.

Atitudes de inclusão social sempre vão ser pauta aqui no blog. E essa + nova iniciativa surgiu de Diego Silva Mota, que, com + 2 amigos, desenvolveram o Jogo de Tabuleiro Adaptado para Deficiente Físico, + conhecido como Jotadef.

13781801_1190662530984055_6855078622553659387_n

Fotos: Reprodução

O projeto quer promover a inclusão social, ajudar na fisioterapia e raciocínio lógico, além de promover o lazer pra pessoas que perderam a mão, parte dos membros ou até mesmo os movimentos de pinça.

A ideia surgiu durante a disciplina ‘Projetos Técnicos e Científicos’ no colégio em que se formou, durante o 2º ano do Ensino Médio. Ele e os amigos resolveram fazer adaptação de 1 projeto de jogo de botão para os jogos de tabuleiro.

reprodução entrevista

Entrevista para o canal SuperPoker no Campeonato Brasileiro de Poker

O material é 1 espécie de bracelete com 1 eletroímã que pode ser colocado no braço, podendo ser acionado por alguma parte dos próprios braços ou até mesmo dos pés.

A invenção também pode ser 1 alternativa pra fisioterapia. 2º Diego, “Muito deficientes não gostam da fisioterapia comum, acham muito chata e consequentemente acabam fazendo com os membros se atrofiem por não terem os movimentos necessários. E com essa ideia nós conseguimos fazer com que de forma lúdica e divertidas, eles movimentem o membro e o estimulem, fazendo sem perceber, a fisioterapia de uma maneira não convencional”.

reprodução jotadef

Desde 2013, Diego já conseguiu ajudar 6 pessoas e garante que ajudar o próximo é 1 maneira de ter a satisfação pessoal.

Para conseguir aperfeiçoar cada vez + o projeto, o estudante conta com o apoio dos pais, da professora e orientadora da escola onde se formou, Patricia Tancredo, da Associação Brasileira de Esportes da Mente e também da Confederação Brasileira de Texas Hold’em.

Por + atitudes como essa!!

Para conferir a entrevista sobre o Jotadef para o canal SuperPoker no Campeonato Brasileiro de Poker

Tags:, , , ,

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *