“Histórias que ouvi contar”
   Felipe  Camelo  │     13 de julho de 2016   │     13:37  │  1

Lançada no mundo da escrita como poetisa, Inez Amorim em sua nova obra “Histórias que ouvi contar” amplia sua imaginação literária e investe nos contos com causos que remetem à vida do homem nordestino e de personagens conhecidos nacionalmente. A escritora lança seu 2º livro às 7 e 1/2 da noite de hoje, no auditório da Casa da Cultura, em Arapiraca.

Inez Amorim lança Histórias que ouvi contar com contos e poesias 2

Foto: Reprodução

2º o escritor e médico Judá Fernandes, que assina o prefácio, a escritora “Penetra profundamente no âmago da alma dos viventes racionais, imaginando, um dia, decifrar os intrigantes enigmas da contraditória raça humana e, consequentemente, comover, com suas preciosas estrofes, os corações sensíveis e sensatos daqueles que tiverem a felicidade de ler e viver as suas expressivas poesias”.

“Histórias que ouvi contar” traz poesias que comprovam a vocação literária da autora, brotando notáveis imagens linguísticas no + legítimo texto gramatical-cultural.

Inez Amorim é pernambucana de nascimento, mas desde criança vive em Arapiraca. Faz parte da Academia Arapiraquense de Letras e Artes, onde ocupa a cadeira de número 31. Seu 1º livro, “Um novo despertar”, foi lançado em 2005.

1 poema de “Histórias que ouvi contar”:

História de amor

“Andei por este mundo, andei
E no peito amante vivi a sonhar
Enquanto vagava me encantei
Com um belo canto que ouvi cantar.

Gritei-lhe: fala! Quero ouvir tua voz
Mas, suavemente a voz emudeceu
E a melancolia abateu-me, atroz
Negando-me um instante que era meu.

Lentamente, com suavidade a sussurrar
Num momento de magia a voz falou:
Escuta! A melodia que irei cantar
É a canção de uma história de amor.

Parei extasiada de tanta emoção
Senti que alguém de perto sussurrou:
Ouve! A melodia e a linda canção
A voz maviosa que transcende o amor.

Tags:, , ,

>Link  

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *