“Povo desenvolvido é povo limpo!”
   Felipe  Camelo  │     12 de abril de 2016   │     13:15  │  1

hfdhadfh

Fotos – FC

Concordando com o personagem Sujismundo que dizia: “Povo desenvolvido é povo limpo!”, meu desejo de boa tarde vem com sentimento de raiva de quem colocou, na noite de ontem, este monte de lixo na esquina entre o estacionamento do Jaraguá e a Associação Comercial, deixando na calçada bagaço de cana, copos e plásticos descartáveis, guardanapos usados, latas de refrigerantes…

Imagino que seja 1 dos comerciantes que todo dia levam carrinhos pra vender lanche na esquina da Sá e Albuquerque, entre o Bradesco e o Banco do Brasil, e antes de irem embora, colocam este monte de lixo na esquina de trás.

Resultado, além dos cães, baratas e ratos fazem a festa. Incrível, bem na frente de 1 ponto turístico de Maceió.

Infelizmente este não é o único ponto de acumulo de lixo na cidade, e não são só os vendedores ambulantes responsáveis por isso, mas sim grande parte da população. Em diversas áreas, seja na parte + nobre ou nas periferias, é comum ver entulho acumulado e muitas vezes até mesmo espalhado pelas ruas. 1 verdadeiro absurdo.

Descartar 1 pacote de bala, bituca de cigarro ou qualquer outro produto numa calçada pode parecer algo comum, que não fará a menor diferença, mas quem faz isto, está enganado. São muitos os riscos causados pelo acúmulo de lixo, como enchentes e emissão de gases tóxicos. Além das doenças causadas pelos animais, presentes onde há sujeira.

Enquanto isso no mundo civilizado

bcf2dde2-16f1-4957-9b0f-2f40996bfa87 f20f92f3-0b08-4499-a699-25e220a8d481 Fel03230515 Fel04201013 Fel04310715Fel04240116

 

 

>Link  

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. juliete

    Pois é! o povo não tem educação mesmo, isso não é questão de classe social é questão de principio e bons costumes. Esses porcos humanos com certeza fazem isso em casa, ou em qualquer lugar que for.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *